Manguebeat

Seguindo com o desafio sendo som que nos dê boas lembranças, o primeiro som que me veio a cabeça foi Mundo Livre S.A, que me remete a momentos felizes que vivi.

Criado em 1984, o grupo (Fred Zero Quatro, cavaquinho, guitarra e voz; Fábio Malandragem, baixo; “Chefe” Tony Regalia, bateria; Bactéria Maresia, teclados, guitarra; Otto, que mais tarde foi substituído por Marcelo Pianinho, percussão) só foi revelado nacionalmente dez anos depois, com a explosão do movimento mangue beat pernambucano.

mundo_livre

O primeiro CD da banda, “Samba Esquema Noise”, de 1994, foi bem recebido pela crítica e pelo público, que percebeu a música do Mundo Livre como novidade, graças à mistura de samba, samplers e guitarras pesadas. A partir de então começaram a se apresentar, freqüentemente ao lado do grupo Chico Science e Nação Zumbi, principal expoente do mangue beat.

Com a morte prematura de Chico Science, o Mundo Livre passou a se destacar como principal banda de mangue beat, principalmente após o disco “Carnaval na Obra”, de 1998, terceiro da banda. Em 2000, com o lançamento de “Por Pouco”, adotaram uma original “estratégia de marketing”, contratando modelos profissionais para representar a banda em sessões de foto e coletivas.

Espero que esse post fiquem gravado em sua memória, para que sim, quando tiver uma lembrança como eu, escute esse som alto astral do Mundo Livre S.A.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s