Conceitual e com metal

Salve pessoal !

Mais um post do desafio 230 dessa semana, sobre um som conceitual.

Não sei se viram a explicação dada pela nossa colega Natássia sobre som conceitual, mas para quem não viu um som ou álbum conceitual é quando as letras das músicas contam uma história.

Claro que pensei em Dream Theater, mas como acredito que vocês estão cansados de ouvir ( ou ler ) eu falando deles, resolvi hoje falar sobre ” Temple of Shadows ” do Angra.

angra2

O álbum é conceitual, pois conta a história fictícia de um cavaleiro conhecido como “The Shadow Hunter” (O Caçador da Sombra) que se une ao exército convocado pelo Papa para participar da Primeira Cruzada (1096-1099). Durante sua saga, ele passa por conflitos que o fazem refletir sobre a guerra santa da qual participa e os ideais da Igreja Católica, colocando sua devoção a prova.

O álbum foi bem recebido pela crítica especializada, o Akihisa Ozawa da Burn! deu 91 pontos pelo álbum, algo raro na revista, o álbum ganhou 3 notas 10 no Free Paper da loja Sumiya. Um clássico do Speed/Power/Prog Metal, e que fez parte da vida de muitos metaleiros por aí, e totalmente da minha adolescência .

Sem mais, play já !

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s