Marinês

Neste sábado, vamos falar de uma cantora ícone do forró pé de serra, Marinês.

“Filha de pai seresteiro, iniciou a carreira na banda Patrulha de Choque do Rei do Baião, que formou com o marido Abdias e o zabumbeiro Cacau para se apresentar na abertura dos shows de Luiz Gonzaga.

Gravou o primeiro disco em 1956, já à frente do grupo Marinês e sua Gente, com o qual se consagrou. A canção que consagrou Marinês foi “Peba na Pimenta”, de João do Vale, José Batista e Adelino Rivera, que causou polêmica na época em que foi gravada, devido ao seu duplo sentido. Ela aparece interpretando a canção no filme Rico Ri à Toa de 1957.

Marinês morreu em 14 de maio de 2007, aos 71 anos. Ela se recuperava no Real Hospital Português de Beneficência, em Recife, de um Acidente Vascular Cerebral sofrido dias antes. O corpo da cantora foi sepultado no dia 15 de maio de 2007 no Cemitério Campo Santo Parque da Paz em Campina Grande, Paraíba.

É considerada o maior ícone feminino do forró pé de serra, junto com Luiz Gonzaga, Jackson do Pandeiro, Sivuca, Dominguinhos, Mestre Zinho, entre outros. Também era conhecida como a rainha do Xaxado.

Vamos às músicas

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s