Toto

Olá, pessoal!

Nesta quarta, vamos falar de uma banda de rock muito conhecida na década de 80, mas que ainda continua fazendo shows até hoje: Toto.

Toto é uma banda de rock dos Estados Unidos formada em 1977 em Los Angeles. Foram bem sucedidos na década de 1980, lançando álbuns aclamados como Toto IV, sendo conhecidos por compactos como “I’ll Be Over You“, “Hold the Line“, “Rosanna“, “Africa” e “Stranger in Town“.

Por ter sido formada por músicos veteranos de estúdio, uma característica marcante da banda era sua qualidade técnica, assim como a combinação de diferentes estilos musicais tais como pop, rock, soul, funk e jazz. Apesar de serem frequentemente associados ao soft rock, a variedade de seu som permitiu a sua popularização em uma ampla gama de ouvintes. Juntos, lançaram dezessete álbuns e venderam mais de trinta milhões de gravações.

A banda foi formada em 1977 por seis músicos de estúdio, que anteriormente haviam trabalhado regularmente com Steely Dan, Seals and Crofts, Boz Scaggs, Sonny and Cher, e outros. Filho do famoso músico e arranjador Marty Paich, o tecladista David Paich se popularizou após coescrever o álbum Silk Degrees de Boz Scaggs. Após tocar em diversas sessões com o baterista Jeff Porcaro, os dois começaram a discutir a possibilidade de formar sua própria banda. Reuniram-se com o baixista David Hungate, já conhecido das turnês com Boz Scaggs. Também convidaram o guitarrista Steve Lukather e o tecladista (irmão de Jeff) para incrementar o grupo. Com a adição do cantor Bobby Kimball, o grupo começou a trabalhar em seu primeiro álbum em 1977, após assinar com a Columbia Records.

Mas, em 1982 marcou o começo da era mais bem sucedida do Toto. Após as fracas vendas de Turn Back, a banda foi pressionada pela gravadora para produzir um novo sucesso. Com Toto IV, lançaram um dos maiores sucessos da década de 1980. O álbum continha três compactos que atingiram o top 10 da Billboard Hot 100: “Rosanna“; “Africa” e “I Won’t Hold You Back“. Ao todo, o álbum ganhou sei prêmios no Grammy, incluindo Gravação do Ano para “Rosanna”, Álbum do Ano e Produtor do Ano. “Rosanna” chegou a ser indicada múltiplas vezes. O álbum ganhou ainda mais reconhecimento com o lançamento de outro compacto, “Make Believe“. O grupo entrou em turnê de suporte ao álbum, e perto do fim Bobby Kimball quebrou a perna, sendo forçado a se apresentar constantemente sentado atrás do piano nos concertos restantes.

Em 2008, a banda anunciava o seu fim, porém em 2010, retornou para uma breve turné de verão na Europa para ajudar o baixista Mike Porcaro, diagnosticado com Esclerose lateral amiotrófica. Para esta turnê, retornaram ao grupo os tecladistas Steve Porcaro e David Paich e o vocalista Joseph Williams, que se juntaram a Steve Lukather e Simon Philips, além do ingresso do baixista Nathan East.

Com esta formação, a banda também comemorou seus 35 anos de carreira, ao longo do ano de 2013.

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s